Hotéis na Itália

ascoli piceno

Ascoli Piceno: dicas do que ver e comer

Ascoli Piceno é uma cidade belíssima, daquelas que nos deixam lembranças prazerosas e das quais lembramos com carinho. Pelo menos é assim que me sinto quando lembro da minha visita à cidade. Aliás, as cidades menores da Itália são mesmo fascinantes, é impossível não se apaixonar por elas.

Ascoli Piceno, piazza del Popolo
Ascoli Piceno, Piazza del Popolo

 

Quando viajei pela região Marche não pude não me perguntar porque a área não é tão popular entre os turistas brasileiros quanto a vizinha Toscana ou a Úmbria. Marche é uma região lindíssima, com as montanhas de um lado e o mar do oturo. Além disso, a atmosfera calma das cidades dá um toque à mais de charme.

Ascoli, por exemplo, é o tipo de lugar que você pode visitar e vivê-lo como um nativo, porque o fluxo turístico é bem pequeno.

 

Ascoli Piceno: a cidade das 100 torres e das azeitonas à ascolana

O apelido de Ascoli é “a cidade das cem torres”. Na verdade, são várias as torres que permanecem em pé desde a Idade Média, mas não são 100.

Ascoli Piceno

Além disso, outro fator que torna Ascoli Piceno também muito nota, são as azeitonas à ascolana. Você já ouviu falar delas? São deliciosas azeitonas enormes, recheadas com uma mistura de carne e outros temperos, empanadas e fritas. É de dar água na boca! Esses petiscos você encontrará em vários lugares da Itália, mas nada como degustá-las no lugar onde nasceram, não é mesmo?

 

O que ver em Ascoli Piceno

 

1) Piazza del Popolo

Uma praça de imenso valor histórico-cultural, coisa que já dá para perceber só observando os magníficos edifícios que a circundam.

ascoli piceno

A Piazza del Popolo é a praça principal de Ascoli e é toda pavimentada com mármore travertino. De fato ela é esplêndida, considerada também uma das praças mais bonitas da Itália.

De um lado da praça está o Palazzo Capitani del Popolo, um edifício do século XIII. Na outra extremidade fica a grande igreja gótica de San Francesco, uma igreja sóbria mas agradável tanto dentro como fora.

E ao lado da Piazza, faça uma parada no Caffé Meletti para provar o célebre licor anisetta, feito com anis verde.

 

2) Piazza Arringo

A praça mais antiga de Ascoli é a Piazza Arringo. Ela também é toda feita com mármore travertino e combina estilos clássicos, românticos e barrocos.

ascoli piceno

3) Catedral de Sant’Emidio

A Catedral de Sant’Emidio, que é o santo padroeiro de Ascoli Piceno, sem dúvida é o ponto forte da Piazza Arringo.

A primeira construção da Catedral remonta ao século VIII, mas ao longo dos anos foi várias vezes restaurada e modificada.

No lado da Catedral fica a Porta delle Muse, que tem esse nome por causa de uma inscrição em latim, provavelmente, do século XI ou XII. De fato, a inscrição parece confirmar a história de que a Igreja foi construída sobre um templo romano dedicado às Musas.

A cripta

A cripta é muito interessante e merece uma visita.

No século XI, após a traslação das relíquias de São Emidio das catacumbas fora dos muros da cidade para a Catedral, foi construída a cripta. Ela é composta por treze corredores, também com materiais reciclados época romana.

cripta de ascoli piceno

 

A parte central da cripta foi reformanda no século XVIII, quando substituíram as colunas romanas de travertino com colunas de mármore vermelho de Verona, de modo que o teto pudesse ser elevado. Além disso, as paredes são cobertas com mosaicos fabricados pela Estúdio Mosaico Vaticano. Eles representam incidentes locais que ocorreram durante a II Guerra Mundial.

Detalhe dos mosaicos da cripta

Por fim, no subsolo da igreja há também um sarcófago do século IV, onde estão os restos mortais do santo padroeiro de Ascoli Piceno.

Uma curiosidade: Santo Emidio é o santo protetor contra os terremotos. Por isso a população de Ascoli acredita que a cidade esteja protegida e são muito gratos ao santo porque não houve nenhum dano lá nos últimos terremotos!

 

4) Ponte Romana

Entre as pontes que os romanos construíram ao longo de seu império, a ponte em Ascoli é uma das mais interessantes e melhor preservadas.

Realizada para ligar as duas margens do rio Tronto e, consequentemente, as duas províncias romanas de Ascoli e Fermo, a ponte foi construída pelo imperador Augusto, como parte de sua política que previa, entre outras coisas, a criação de uma rede de estradas densa com um excelente nível de manutenção.

A vista da ponte romana passando sobre o rio Tronto

A ponte tem 62m de comprimento e 6,50m de largura. De fato, essas características permitiam que duas carroças passassem ao mesmo tempo. A estrutura foi construída “a seco”, sem a utilização de argamassa e de cimento. É tudo no encaixe!

 

5) O Templo de Sant’Emidio

Ascoli tem vários lugares relacionados com a vida do seu santo padroeiro.

Por exemplo, um deles é o o Templo de Sant’Emidio. Segundo uma lenda, foi naquele gruta que o santo teria sido decapitado. Além disso, naquele lugar surgia a necrópole cristã de Ascoli Piceno.

O templo é um belo exemplo da arquitetura barroca construída na rocha. Ele foi erguido em 1721 para agradecer Sant’Emidio por ter salvo Ascoli do terremoto de 1703. O templo fica um pouco distante do centro histórico (só uns 20 minutos de caminhada da Piazza del Popolo!), mas dá para chegar lá fazendo um agradável passeio, passando inclusive pela ponte romana.

 

O que comer em Ascoli Piceno

Falei anteriormente sobre as azeitonas à ascolana (olive alla ascolana). Você não pode deixar de comê-las! São os saborosos petiscos típicos da tradição culinária da região Marche. De fato, são preparados com azeitonas Ascolane DOP, as quais são verdes, enormes, carnudas e doces. Enfim, são perfeitas para serem abertas, descaroçadas e recheadas.

Barraquinha de azeitonas no centro de Ascoli

 

Onde dormir em Ascoli

Não espere grandes hotéis de luxo em Ascoli Piceno. A cidade é pequena e as opções não são muitas. Eu dormi no Albergo Sant’Emidio, um três estrelas muito bem localizado no centro histórico, pertinho das principais atrações da cidade. O hotel conta com 20 quartos e fica em um edifício do século XVIII.

Veja mais opções de hotéis em Ascoli:


Booking.com

 

Como chegar a Ascoli Piceno

De trem
Ascoli Piceno é facilmente acessível por trem, especialmente do aeroporto de Ancona, e também de grandes cidades em toda a Itália.

De carro
Alugar um carro é a melhor maneira de ver a região Marche, porque nem todas as cidadezinhas pequenas são acessíveis com transporte público. Clique AQUI e faça uma cotação de aluguel de carro. Você pode pagar em Reais e parcelado.

 

Outras dicas

  • Ascoli Piceno pode ser uma boa base para um roteiro na região Marche. De Ascoli você pode, por exemplo, conhecer Loreto e Ancona!
  • Para quem estuda italiano em Camerino, Ascoli é uma opção de passeio bate e volta.
  • Durante o ano há vários eventos históricos em Ascoli Piceno, com apresentações medievais. O mais famoso deles é a Quintana di Ascoli, que acontece em julho e agosto.
Gostou? Então compartilha!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Conteúdo protegido!!