Hotéis na Itália

Salento: o que significa e onde fica?

Salento: o que significa e onde fica?

Salento… você certamente já deve ter visto esta palavra quando o assunto é a Puglia. Mas você sabe do que se trata?

Antes de tudo, o Salento é uma das subregiões da Puglia (outras subregiões são o Gargano, Murgia, Subapenino Dauno, Tavoliere di Foggia, etc.). Então se a Puglia, no mapa da Itália, é o “salto da bota”, o Salento seria o calcanhar, visto que compreende a parte mais a sul da região.

Lu Salentu: lu sule, lu mare, lu ientu.” Ou seja, no dialeto local, o slogan da península do Salento. O slogan é curto, mas doce: sol, mar e vento. Estes são os três fenômenos naturais que moldaram historicamente a região.

Gallipoli
Gallipoli

Onde fica o Salento?

Pergunta de um milhão de dólares! Certamente se você perguntar a um italiano onde fica o Salento, ele te dirá: na Puglia. Mas isso já sabemos! O que queremos saber mesmo é onde inicia e onde termina o Salento!

Veja no mapinha a parte em laranja

Enfim, são várias as teorias, mas segundo vários estudos e fatos históricos o Salento parte de Egnazia e chega a Leuca, ponta mais a sul da Puglia.

Do ponto de vista geográfico, a região se distingue do resto da Puglia por uma linha imaginária, que vai do Golfo de Taranto ao Mar Adriático, nas ruínas da cidade de Egnazia (em Fasano). Com 138 km de comprimento e 40 km de largura média, estende-se especificamente desde o chamado “limiar messapiano” a norte até ao cabo de Santa Maria di Leuca a sul.

 

 

No entanto, o Salento também deve ser entendido como uma entidade cultural, e não geográfica, por isso é comum deslocar as fronteiras mais ao sul ao longo de uma linha que vai de Taranto aos municípios de Grottaglie, San Michele Salentino, Ceglie Messapica, até Chegar a Ostuni.

Salento
Ostuni

 

Um lugar único

salento
Pizzica Salentina. Foto: Angela Anji – FlickR

Tanto do ponto de vista linguístico como arquitetônico, folclórico e enogastronômico, a península do Salento é caracterizada por traços comuns que a distinguem do resto da região. Por exemplo, tem sua dança típica, a Pizzica Salentina, assim como pratos típicos exclusivos de lá.

Por isso, não deixe de colocar esta magnífica área da Puglia no seu roteiro!

 

O que ver no Salento

Cidades branquinhas, longas planícies cultivadas com oliveiras que são verdadeiras obras de arte, praias de areia branca e águas cristalinas que são de tirar o fôlego. Em síntese, é essa a paisagem do Salento, um lugar imperdível da Puglia.

Então vamos começar pelas praias. Os roteiros de praias no Salento são infinitos: a quantidade e a qualidade das praias da Puglia são, de fato, famosas no mundo inteiro e o Salento é a menina dos olhos desta região. Portanto, é difícil escolher as melhores praias do Salento, porque o risco é fazer uma lista muito grande para um post só. Assim, te aconselho a dar uma olhada neste post com dicas de praias na Puglia.

Quanto às cidades, não deixe de visitar Lecce, com sua arquitetura barroca magnífica. Aprecie as casinhas brancas de Ostuni e Otranto. Ainda, há as estruturas portuárias de Brindisi e Taranto. Enfim, o que não faltam são lugares para você fazer passeios inesquecíveis!

Otranto, Salento

Dicas de viagem para o Salento

Se você pretende conhecer esta área da Puglia, não deixe de conferir os seguintes textos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Conteúdo protegido!!